Sou da duvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por está terra... honrando sua tradição!"


quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Chuva... e entre o silêncio dos pingos ali a alma dança...



...então a chuva cai, lava o chão
Encharca a terra criando poças onde
... o vazio  permite.

Faz desenhos nas vidraças


Transforma tudo por onde passa...